Entenda a importância da validação de segurança de 2 etapas!

A validação de segurança em duas etapas é uma medida adotada por diferentes plataformas para proteger as contas dos usuários de pessoas mal-intencionadas.

Também conhecida como dupla autenticação, trata-se de um código de verificação comum aos aplicativos e outros softwares, principalmente, aqueles que usamos nos smartphones.

Podemos encontrar a verificação em duas etapas nas redes sociais, endereço de e-mails e até mesmo nos aparelhos móveis. 

A ativação costuma ser muito simples e tranquila, por meio de um código enviado para o smartphone ou e-mail.

É a melhor forma até o momento de enviar que contas sejam hackeadas, roubadas e clonadas, algo que, infelizmente, já aconteceu com muitas pessoas em plataformas, como Facebook, Instagram, WhatsApp e assim por diante.

Essas mesmas empresas passaram a oferecer a validação de segurança, justamente para reduzir as invasões de conta, e além delas, outras seguiram pelo mesmo caminho, como o Google.

Entretanto, a maioria dos usuários não realizam essa ação e a razão é a falta de informação. 

Por isso, neste artigo, vamos explicar o que é validação em duas etapas, por que você deve utilizá-la e como fazer.

O que é validação em 2 etapas?

Validação ou verificação em 2 etapas é o modo como algumas empresas encontraram para que suas contas se tornassem mais seguras, por isso, podemos dizer que é um mecanismo de defesa extra.

O objetivo é bloquear tentativas de invasões às contas dos usuários de diversas plataformas e softwares.

Uma clínica de fisioterapia, por exemplo, pode ativar esse sistema em diferentes plataformas, como no caso do WhatsApp. Ele recebe este nome porque se dá por meio de dois códigos de verificação diferentes.

Um deles é a senha do aplicativo para acesso à conta, no caso do WhatsApp que não solicita senha, ele envia um código SMS, e além dele, existe outro modo de validação necessário para acessar a conta.

É como se fosse uma senha temporária extra, que pode ser enviada por SMS, código via aplicativo, e-mail, ou qualquer outro contato oferecido pela empresa e que o usuário tenha habilitado.

Portanto, o modo de validação de senha pode ser diferente de um aplicativo para outro. 

A verificação é oferecida pelo aplicativo ou site e pode utilizar até mesmo um aplicativo autenticador específico, como no caso do Google Authenticator.

É importante lembrar que a verificação em 2 etapas é optativa, sendo necessário que o usuário faça manualmente.

Depois que é ativada, toda vez que a conta for acessada de um novo dispositivo, a verificação entra em ação, ou seja, o usuário precisa conceder o acesso para que outro dispositivo possa acessar sua conta.

Tanto um computador usado, um smartphone ou outros tipos de dispositivos precisam dessa autorização, caso nunca tenha acessado a conta antes.

Por que usar a verificação em 2 etapas?

Para entender a importância desse recurso, vamos mostrar alguns benefícios trazidos por ele, que são:

  • Mais segurança de dados;
  • Proteção contra invasões de conta;
  • Aplicativos mais confiáveis;
  • Mais privacidade.

Para entender um pouco mais a necessidade de usar a verificação em 2 etapas, saiba que de acordo com um levantamento realizado, apenas em setembro de 2020, cerca de 473 mil pessoas tiveram suas contas de WhatsApp clonadas no Brasil.

Se você fizer as contas, vai perceber que, praticamente, 15000 contas foram clonadas por dia em setembro de 2020. 

Se essas pessoas tivessem ativado a verificação em 2 etapas, isso não teria acontecido.

Para elucidar ainda mais a relevância desse recurso, vamos usar como exemplo uma pessoa que fez um anúncio em um site de vendas de veículos, para vender um carro.

Para usar a plataforma, ela precisa criar um anúncio contendo algumas informações pessoais básicas, como nome, dados do veículo e telefone de contato.

Afinal, esses dados são importantes para que um possível interessado entre em contato.

É como se um nutricionista esportivo criasse um anúncio na internet para atrair mais pacientes. Pois bem, mas no caso da pessoa que está tentando vender um carro, ela expôs seu número de WhatsApp aos usuários da plataforma.

Até aqui tudo certo, no entanto, o vendedor recebeu uma mensagem no WhatsApp de uma pessoa dizendo ser do site de vendas de carros afirmando que ele recebeu um upgrade em seu anúncio gratuito.

Tudo o que ele precisa fazer é confirmar o código enviado por SMS para confirmar a mudança de plano. 

Se este vendedor tem pressa em vender o veículo, ele vai informar o código recebido por SMS sem pestanejar. Mas, ele acabou de cair em um golpe.

Com esse código, o criminoso que se passou por um funcionário do site de vendas conseguiu acessar a conta de WhatsApp do vendedor e pode entrar em contato com as pessoas da lista, solicitando dinheiro, entre outros tipos de golpes.

Assim como você escolhe com cuidado uma clínica médica integrada, precisa estar atento ao modo como utiliza seus aplicativos.

Este golpe que acabamos de mencionar existe e muitas pessoas já foram vítimas dele no Brasil. Se este vendedor tivesse a verificação de 2 etapas, o criminoso não conseguiria acessar sua conta no WhatsApp.

Isso porque ela forma uma barreira extra contra invasões, e sempre que alguém tentar acessar a conta, além da verificação comum enviada por SMS, ele precisa digitar um segundo código configurado pelo usuário.

A conta só será invadida, se o usuário enviar o seu código de verificação para alguém, por isso, em hipótese alguma divulgue sua senha de verificação para qualquer pessoa.

Em linhas gerais, sempre desconfie quando alguém pedir algum tipo de código para você e saiba que empresas realmente idôneas não fazem esse tipo de solicitação, principalmente, as instituições bancárias.

Como usar a verificação em 2 etapas?

Cada aplicativo ou site disponibiliza uma opção diferente para ativar a dupla verificação, mas, geralmente, você precisa acessar as configurações e a seção de segurança.

Mas, tenha em mente que dependendo do sistema, a ativação desse recurso pode ser diferente. Procure pela opção verificação em 2 etapas ou autenticação de 2 fatores que costuma estar presente nas configurações de segurança.

Por exemplo, o responsável pela conta de WhatsApp de uma empresa de assessoria contábil pode apenas seguir os passos oferecidos pela plataforma. Mas, se você não encontrar nada do tipo, então provavelmente ela não oferece essa opção.

Quando for solicitar uma senha por SMS, cadastre um número que esteja ativo, se você perder o acesso ao número de celular, faça a alteração em todos os sistemas imediatamente.

Isso também se aplica a e-mails e outros tipos de contas que podem solicitar o código de validação para efetuar o login.

Qualquer tipo de empresa, como uma escola de curso profissionalizante, pode oferecer esse recurso. 

Fazer a atualização é muito importante porque se você quiser trocar de dispositivo, a confirmação vai ser enviada para os contatos cadastrados.

Como falamos, a maioria dos aplicativos disponibiliza a opção de dupla verificação, e muitas já são conhecidas por isso, como no caso do WhatsApp. 

No entanto, outras plataformas não tão divulgadas também oferecem essa opção de segurança.

Procure ativá-la sempre que possível ou verificar nas plataformas e aplicativos que você utiliza, se eles oferecem essa opção.

Entretanto, de forma geral, é possível usar a verificação de 2 etapas no Facebook, Instagram, WhatsApp, contas do Google, acesso ao iCloud Apple, Discord, Reddit, LinkedIn, Telegram e Amazon.

Tanto um usuário comum quanto uma escola infantil integral, que utilize uma dessas plataformas, pode ativar esta opção, de maneira simples e rápida, como vimos ao longo do artigo.

Só para reforçar, é importante dizer que a validação dupla não impede que você utilize suas contas em outros dispositivos, mas você só precisa confirmar para garantir sua própria segurança.

Se você inserir todos os dados corretamente, o processo é realizado apenas uma vez e fica ativo pelo tempo que você quiser ou até que seja desabilitado.

Conclusão

Resumindo, você já parou para pensar na quantidade de informações que tem dentro do seu smartphone ou do seu computador?

Pessoas e organizações, como uma empresa de engenharia, dependem de recursos tecnológicos e de plataformas em seu dia a dia, mas elas acumulam uma série de informações sigilosas e valiosas que podem ser prejudiciais em mãos erradas.

Os criminosos sabem muito bem disso e é por essa razão que existem tantas tentativas insistentes de invasão de contas de WhatsApp, e-mail, redes sociais e até do próprio aparelho usado pelas pessoas.

Mas, assim como eles têm recursos para invadir essas contas, as empresas responsáveis contam com a verificação em 2 etapas que protege as contas e impossibilita o acesso dos criminosos.

Se você quer garantir a sua segurança e proteger a sua privacidade, deve ativar esse recurso o quanto antes e usufruir de todos os seus benefícios.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

tenable
sophos
manageengine
security mentor
F5 Networks
isc2
kaspersky

Últimas Notícias do Blog